sexta-feira, outubro 30, 2009

DESERTIFICACAO E O REPOVOAMENTO

Antiga escola de Vila Cha, presentemente propriedade de particulares, simbolo de desertificao e tristeza!

E mais que sabido que o municipio D'Algodres a semelhanca da maioria dos concelhos do "interior", ( nao consigo gostar desta palavra) tem sido desde pelo menos o primeiro quartel do seculo passado, terra de migracao e emigracao. No entanto essa tendencia acentuou-se muitissimo a partir da decada de sessenta.

Como normalmente se espera e eu tambem pensava que acontece-se, com a construcao de infraestruturas novas, de servicos mais eficientes e boas, para nao dizer excelentes vias de comunicao. Pensava-se que essa tendencia fosse estancada e ate em parte revertida, no entanto as estatisticas dos ultimos 10 anos publicacas recentemente, vieram mostrar-nos que foi precisamente o oposto, pois durante esse espaco de tempo, perdeu o municipio mais de dez por cento da populacao.

A razao principal e sem duvida nenhuma, a falta de trabalhos para a populacao mais jovem, e certo que alguns foram criados, mas nao o suficiente. E o pior, e que os trabalhos mais qualificados, foram em grande parte preenchidos por gente que nao reside no municipio, nem quer aparentemente para ca deslocar-se! (ainda gostava que me explicassem porque, pois se somos bons para lhe dar trabalho, porque nao somos para lhe dar residencia?)

Mas como em todas as areas tambem nesta existem excepcoes honrosas, pois temos casos de medicos que nao sendo daqui naturais, em Fornos decidiram fixar residencia. ( E por onde andaram os naturais? Que sao bastantes!)

Mas o exemplo que hoje quero apresentar, e o caso de um casal jovem, que de Lisboa decidiu vir fixar residencia na minha aldeia natal, (Vila Cha d'Algodres) ela e bisneta de um senhor que eu ainda conheci em crianca, que tendo nascido e sido criada na capital, cansou-se do transito, poluicao e "stress" citadino, com o seu companheiro decidiram montar uma vida nova, nesta nossa querida aldeia da Beira!

Quero embora com algum atrazo, dar publicamente os meus parabens pela excelente decisao (digo eu) a estes meus amigos, ainda que so ainda virtuais, enquanto os apresento como exemplo a seguir a quantos desejem; pois viver em Fornos e suas aldeias "E mesmo Bom"!

Ja agora e porque eles o merecem por muitas razoes, mas principalmente pela coragem, passo a divulgar as areas a que se dedicam:

http://starnatura.blogspot.com/

http://starfitt.blogspot.com/

http://starofficium.blogspot.com/

(Podem la ir mais facil pelos meus "links", ali ao lado.)

Caso alguns dos meus amigos leitores, necessite de alguns dos seus servicos, podem contacta-los e tenho a certeza que seram servidos excelentemente!



17 comentários:

JPCLEMENTE disse...

Caro Al.Cardoso:
É de louvar todos aqueles que regressam e desejam contribuir para o desenvolvimento de uma região cada vez mais abandonada!
Um abraço amigo

aluap disse...

“1/3 do planeta será deserto em 2100”,”metade de Portugal em risco de desertificação”. São estudos publicados que pelos vistos não merecem a sensibilização dos políticos para medidas concretas e eficazes para combater este flagelo.

Visitem: http://onovoblogdosforninhenses.blogspot.com/

Anónimo disse...

olà Albino daqui fala-te o teu conterraneo Leonel apenas para te cumprimentar um abraço.


Leonel Carvalho

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
al cardoso disse...

Caro Leonel:

Um grande abraco para ti extensivo a toda a familia.

Helena Teixeira disse...

Olá Al!
Parabéns pela divulgação e pela ajuda a sua região/terra.Já fui uma ou duas vezes à Fornos de Algodres.Conheço melhor é a pequena Aldeia de Vila Ruiva.Aí também se vê muita desertificação:fechou-se a mercearia que lá havia,o infantário,dois cafés sobrevivem à custos...é triste...porque vive lá muito boa gente.

Jocas gordas
Lena

Aproveito e deixo um convite: participe na Blogagem de Dezembro do blogue www.aldeiadaminhavida.blogspot.com
Basta enviar um texto máximo 25 linhas e 1 foto para aminhaldeia@sapo.pt até dia 8 de Dezembro. Participe. Haverá prémios e boa convivência!

Helena Teixeira disse...

Esqueci-me de referir que o tema da blogagem de Dezembro é O Natal na minha Terra.

Jocas
Lena

Magno disse...

A riqueza de um concelho na actualidade é a sua economia, no que concerne à forma como os recursos existentes podem e devem ser aproveitados.
Fornos nunca possui um tecido economico muito consistente, ao contrário de Seia e Gouveia que com os texteis afirmaram - se no passado como um polo economico.
Tivemos um surto demográfico, com a chamada febre do ouro negro, nos anos 30 e 40 no entanto depois disso foi sempre a perder população.
Por outro lado nunca tivemos em Fornos um polo gerador de emprego, nem uma real estratégia de criação de emprego.
Temos algumas fábricas de pequena dimensão na zona industrial, temos aqui e ali pequenos e resistentes produtores agrícolas.
O próprio queijo carece de uma maior dinamização comercial em mercados de maior exigência....
A autarquia não pode só por ela criar todos os empregos....
É preciso ajudar os empresários locais e criar novas formas de investimento que gerem emprego.
Bem sei que escrever e orar sobre este aspecto é fácil, tomar iniciativa e combater este fenómeno com acções reais deve ser o passo seguinte.
Se quiseremos que Fornos de Algodres atraia investimentos e crie empregos dinâmicos e sustentaveis no tempo...
Abraço,
Magno.

Ars disse...

Ficam as estátuas e monumentos. Já não há pessoas, onde é que elas estão?

家出 disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
高収入アルバイト disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
al cardoso disse...

Como devem dar-se conta ultimamente tem aparecido comentarios em linguas estranhas e caracteres estranhos, pelo que fui obrigado e muito contra a minha vontade, de ter que controlar os comentarios!
Podem crer que para um defensor da liberdade e democracia plena mas com regras, e penoso ter que o fazer, mas nao me restou outra alternativa!

BOUÇA disse...

http://desportivodabouca.blogspot.com/

玉の輿度チェッカー disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
出会い disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
流出画像 disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
ツイッター disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.