quinta-feira, setembro 04, 2014

Ainda e Reforma Judiciaria!!! (extincao de tribunais etc!)

Tenho lido e ouvido muitas opiniões, sobre esta já implementada "Reforma Judiciaria", que assistimos e entrou vigor, a partir de 1 de Setembro desde ano da graça de 2014!

Ouvi já algumas vezes a senhora ministro, (ou ministra conforme os gostos) e tenho uma opinião que não tem variado muito, mesmo depois da informação obtida!

Em primeiro lugar não tenho nada contra a especialização da justiça, e também concordo que deve haver juízes formados e a actuar, cada um na sua área, e, embora se diga, que esta reforma tem finalidades economicistas, eu não vejo isso, vejo que se vai gastar mais e ate vão ser necessários mais funcionários judiciais!

Ora vejamos, se existem edifícios construídos, que necessidade há em continuar a fazer mais obras e construções, para concentrarem os serviços? Se realmente querem especializar, não havia necessidade nenhuma de extinguir tribunais, pois cada juiz teria os julgamentos distribuídos na sua especialidade, mas iriam julga-los nos tribunais, onde esse processo estava referido.
E mais fácil deslocarem-se dentro de cada uma das tais 23 comarcas, um juiz e um magistrado, do que fazer deslocar umas dúzias de pessoas a um tribunal central!

Esta reforma não defende o interior, que passa cada vez a estar mais longe de tudo, vai trazer mais pobreza, vai tornar a justiça mais cara e mais difícil e vai deixar sem préstimo edifícios modernos construídos a uma dezena de anos!

Não consigo concordar que e encerrando tribunais, que se serve melhor as pessoas, o que eu vejo em tudo isto, e que se quis dar a classe dos magistrados melhor vida, nas cidades capitais de distrito, sem terem que se deslocar a lado nenhum, e o povo, que e quem tudo paga, cada vez esta pior, mais longe e com tudo mais caro!

No nosso caso especifico de Fornos de Algodres, o legislador já pensou, que uma coisa e a distancia entre Gouveia e Fornos, e outra distinta, e a distancia entre essa cidade e as Fuinhas ou Casal do Monte, por exemplo. Ou para ele (legislador) só contaram os habitantes da vila e os das freguesias não contam para nada?!
 Embora por motivos de rivalidade, ate fará algum sentido, Fornos passar nos casos pequenos (pois nos grandes sempre temos que ir para a Guarda) para o tribunal de Gouveia, mas temos que admitir que ficávamos muito mais perto em Celorico da Beira, com a vantagem de haver transporte publico!

O que se vai conseguir com isto, pois já espero mudanças noutros serviços, e criar umas quantas centralidades a exemplo dos já grandes centros litorais, onde só ai vai haver tudo, e havendo ai as coisas para la iram as pessoas! Quando o que devia fazer, eram trazerem-se mais pessoas, para onde já existem infraestruturas, que tem custado os olhos da cara aos cidadãos!

Mas pelo que vejo, realmente o que e preciso manter em constante crescimento, e o lobi "dos patos bravos"!!!

2 comentários:

Henrique ANTUNES FERREIRA disse...

Cardosamigo

Decididamente encontrei os blogues do interior deste desgraçado país que tem um péssimo (des)Governo. Já tenho gente boa com quem troco comentários como de Forninhos e de Mirandela e de Bragança e de Manteigas e da Covilhã e mais...

Pois aqui venho encontrar um texto excelente sobre a dita "Reforma Judiciária" que começou mal com o famigerado Citius ... não começar.

Pobre país que tem putos como (des)governantes. E, pior que falam a diversas vozes como um orfeão desafinado...

Já te sigo,já comentei, agora fico à tua espera na Travessa.

NB - Fornos d'Algodres é muito bonito...

Al Cardoso disse...

Bem haja pela visita e pelo comentario caro Sr. Ferreira.
Sinta-se sempre em casa e ainda mais, por gostar a minha cada vez mais despovoada terra!

Um abraco dalgodrense.