terça-feira, outubro 28, 2014

A "Sumidade" a "botar" faladura!

Antes de mais quero enfatizar, aquilo que já muitos sabem, ou deviam saber; sou monárquico tradicional convicto, e, a democracia que pratico e defendo, e a pessoal e não a partidária!
No que toca ao meu Município, que eu amo como os que o amam, não me interessa muito se e o partido A ou o B que o governa. O que me importa sim, porque ai tenho a residir uma grande parte da minha família, e, onde temos algumas propriedades, e que ele progrida, melhore e se engrandeça, ate porque ai queria passar, uma grande parte dos meus últimos anos!
Devido a esse amor, (a maior parte das vezes, so de um lado) estou sempre na primeira linha da sua defesa e divulgação, objectivamente e sem nenhum interesse, que não seja o bem comum.
Também muitos saberam, que sempre procurei estar bem informado, sobre o que se passa em Fornos de Algodres, e normalmente estou. Raramente me escapam as boas e as menos boas noticias, a ele referentes, e também a varias opiniões sobre a minha querida "Terra d'Algodres"!
Porque leio e oiço, custa-me muito continuar a ver defendidas, opcoes de menoridade e de pequenez, para a minha terra, assim como me custa ver, tanta falta de isenção, principalmente daqueles que a deviam promover.
Também me custa ouvir dizer, (ainda que seja verdade) que como somos pequenos já temos muito, e, e nalguns casos ate demais!
Vem isto a propósito de coisas que se vão passando, e, dos encerramentos e desqualificacoes já realizados e que provavelmente irão continuar, havendo quem defenda que estão certos; pois não havendo processos, doentes, estudantes, crime e gente, para que precisamos nos de tribunal e outras reparticoes publicas, do centro de saúde, de GNR e de Correios ou escolas com alguma categoria!
Aparentemente só necessitamos de uma "Associação", e ela se encarregara de gerir todos os serviços do concelho!!!
A politica de menoriracao e de despovoamento de décadas, só tem servido para justificar este, mas podia ser um outro qualquer governo, a levar a efeito as politicas seguidas e as que virão, e, por mal dos nossos pecados, continuamos a ver ser defendida, sem nem sequer darem oportunidade para o contraditorio!
Estava convencido que o slogan: " se podes viver na vila, não vivas na aldeia, e, se podes viver na cidade, não vivas na vila! " era só defendido por uma ou duas pessoas, mas por afirmacoes ou omissões, quer-me parecer que e de todo um "grupo"!
Humildade sim e necessária, mas com grandeza de ideais, e o que necessita urgentemente a minha terra, antes que se transforme em aldeia, uma vila tão historia e que já foi grande!
Uma terra só e grande com "GENTE", e não e com com cada vez menos, que viraremos esta pagina já em si tão negra!

1 comentário:

aluap Al disse...

Amigo Albino, numa passagem a bíblia diz que "ninguém é profeta na sua terra"... muito embora o seja!
E, quanto ao "somos pequenos" (ainda que seja verdade) cito Virgílio Ferreira "Não te coíbas de repetir o que já disseste, porque és pequeno e só assim talvez será possível que te ouçam".
Agora, que mais lhe posso dizer?
Que continue a "botar coisas" que interessem ao leitores (ainda que pareça que muitos estão desinteressados), porque o trabalho que aqui deixa é excelente!
Um abraço amigo.