quarta-feira, março 12, 2008

Entretanto, Fornos vai andando!

Devido a alguma indisponibilidade de tempo e tambem a alguma perguica minha, ainda nao dei re-inicio, a serie que que me propuz, sobre as "nossas singularidades", com o tema os pelourinhos. Mas para que os meus amigos nao pensem que me esqueci venho penitenciar-me, coisa que ate esta muito de acordo com esta epoca "quaresmal"!
Entretanto tenho constactado que pequenas ideias que eu (e nao so) tenho apresentado neste espaco, estao a ser postas em pratica, para as quais espero e desejo o maior sucesso.
Quero destacar; um estabelecimento de vendas de productos artezanais e regionais:
-O "Naturfornos" na Rua Estrada Nacional 16, frente a Camara Municipal.
-A constituicao de uma Comissao de Toponimia.
-E uma homenagem ao Dr. Antonio Menano, o nosso cantor coimbrao, a realizar em Maio.
No que se refere a primeira, queria voltar a sugerir algo que tambem ja referi; porque nao uma sucursao desse empreendimento em Vila Ruiva, junto ao "Inatel?
Quanto a segunda, quero louvar uma vez mais a Junta da Freguesia de Juncais, pela sua dinamica na efectivacao da toponimia da freguesia, bastante "sui-generis"!
Quanto ao ultimo "item", ja o tenho afirmado varias vezes; o "Fado de Coimbra" e Fornos, estao ligados, nao so com o Dr. Antonio Menano, mas tambem como os seus irmaos Horacio e Francisco e ate outros nomes, que quase nao sao ouvidos. Pelo que esta musica e uma mais valia que devia ser mais explorada!
Estamos portanto todos de parabens, e para a frente e que e o caminho!

9 comentários:

as-nunes disse...

Pelos vistos Fornos vai andando e bem.
Este ponto da situação é muito elucidativo de que vale a pena remar mesmo que a maré não esteja de feição.
Um abraço desde Leiria
António

Amaral disse...

Al Cardoso
As iniciativas que aqui apresenta são louváveis. É necessário lutar contra, e cada vez mais, a desertificação do interior.
Abraço

Anónimo disse...

Meu caro Albino,
Permita-me que o trate assim;
Considero a sua pessoa, uma das mais interessadas e preocupadas do nosso concelho, mas se entende que as iniciativas que refere, são algo de palpável para o desenvolvimento de qualquer concelho, e mais propriamente para o de Fornos de Algodres, não posso deixar de referir que está as qualidades que lhe reconheço.
Os problemas de Fornos de Algodres, não se resolvem com actos de fachada, mas sim com uma grande mudança de mentalidade.
Com consideração;
António Costa

Anónimo disse...

queria dizer

"está a perder as qualidades"
António Costa

al cardoso disse...

Caro Antonio Costa:

O meu amigo tem toda a razao, que nao e com obras de faxada que se faz a diferenca, pois essas so trazem despesa, mas por vezes algumas delas tambem sao necessarias, que mais nao seja para dar trabalho ao pessoal da construcao civil. Quem infelizmente sao os poucos trabalhos que ainda vai havendo pelas nossas bandas.
Quanto ao perder qualidades se calhar sao efeitos da velhice!

Um abraco de amizade dalgodrense.

al cardoso disse...

Em vez de "Quem" queria ter dito "Que"

Anónimo disse...

Né pó!!!!!!

JPCLEMENTE disse...

Caro Al. Cardoso:
Seria bom que todas essas actividades chegassem ao cidadão comum, desde os que habitam na sede do concelho, até aos que habitam nas freguesias mais distantes.
Um abraço amigo
JPC

Jofre Alves disse...

Visito com agrado esta página regionalista, que destila o mais profundo amor e dedicação à sua terra, semore com apreço. Boa semana.