segunda-feira, junho 28, 2010

O S. Pedro e as "vias romanas"

                                                        
                            Fonte de S. Pedro e Santa Luzia, em Infias.
                           (fotografia ja com quase trinta anos, atualmente a fonte encontra-se muito bem recuperada)


O falecido padre Luiz de Lemos, que paroquiou varias freguesias da "terra de Algodres", entre as quais Infias, tal como eu tinha um gostinho pela historia; dizia que S. Pedro tanto quanto conseguiu apurar, era patrono de todas as igrejas que estavam em localidades, em que cruzavam estradas romanas!
Infias que tambem tem S. Pedro como padroeiro, e uma dessas povoacoes, segundo os entendidos aqui se cruzavam ou bifurcavam "vias romanas". Durante a dominacao romana tera atingido algum desenvolvimento, havendo quem ate afirme, que tera sido cidade.
Embora se tenham e continuem a descobrir vestigios desses tempos, eu pessoalmente nao creio tenha alguma vez sido cidade, mas tera certamente sido pelo menos uma "viccus" (aldeia romana). Tambem estou muito mais inclinado para bifurcacao do que para cruzamento de "vias romanas".
Tudo indica que da "via" que vinha de Viseu para Merida, aqui em Infias bifurcava uma para Fornos atravessando o Mondego na "ponte de Juncaes", dai por Juncais e Mesquitela seguia para Linhares. Desta partia desde Infias uma bifurcacao na direcao da Matanca passando por Rancozinho e pelo Furtado, indo para Trancoso, por Maceira Sobral e Queiriz.
Na frontaria da Igreja de S. Pedro de Infias, existe uma pequena lapide romana ao "deus Mercurio", que era o patrono dos viajantes e que era costume existirem junto a "vias romanas".
Vem tudo isto a proposito da festa de S. Pedro, que a igreja catolica celebra amanha, dia 29, que e o santo padroeiro da minha terra de adopcao!


Querida "vila" de Infias,
A beira da "Esgalhada".
Tens bons ares e belas vistas,
A ti nao te falta nada!


S. Pedro e teu padroeiro,
Tambem a Santa Luzia.
Quando a noite es tao bonita,
Como tu seras de dia!



4 comentários:

Fernando disse...

Pena é que o amigo Albino não esteja cá amanha pra provar a magnifica sardinhada, que terá lugar ( retomando a tradição) na Praça de São Pedro, não a do Vaticano, mas a de Infias.
Abraço

al cardoso disse...

Pois e vamos a ver se sera daqui a um ano por esta altura!
Ate poderei ainda ir ai este ano, mas ja nao sera para a festa de S. Pedro, o que e pena.

Um abraco de amizade para toda a gente de Infias.

aluap disse...

Na minha aldeia, Forninhos, também se festejou o S. Pedro.

Vejam as imagens em:
http://onovoblogdosforninhenses.blogspot.com/

Um abraço de amizade forninhense

as-nunes disse...

Sempre com a sua região no coração!

Um exemplo de luta pelo desenvolvimento harmonioso do território nacional, todo o território. Não o que se tem andado a fazer.
Até parece que o adágio popular de que "Lisboa é Portugal e o resto é paisagem" se está a confirmar cada vez com mais vigor.
Há que contra-atacar, mas as vontades de quem o poderia fazer estão a render-se a pouco e pouco, até à derrota final.
O que será das próximas zonas desérticas de Portugal?

Um grande abraço, Albino, espero que esteja tudo bem consigo e família.
António