quarta-feira, dezembro 06, 2006

A saude e a velhice.

Como ja estou mais para la que para ca, e que os temas da saude e da velhice, me preocupam um pouco mais. Por isso tenho prestado bastante atencao, ao nesta area se tem passado no meu pais e na minha regiao, onde espero ir passar uma grande parte do final da minha vida.

Tive conhecimento que um dos anteriores governos, tinha assinado protocolos com as varias Mesericordias do pais para a construcao de hospitais de retaguarda, ou de servicos continuados, para libertar camas nos hospitais centrais, para outros casos mais urgentes e de mais necessidade.

Estes protocolos proporcionaram fundos para reconstrucoes de hospitais antigos e que estavam abandonados ou quase. Foi tambem a contar com o presuposto anterior, que se iniciaram as obras no hospital da Santa Casa da Mesericordia de Fornos de Algodres, que creio estao quase ou terminadas.

Acontece que este governo assim que entrou, denunciou aqueles prococolos e informou que os processos iriam iniciar-se de novo. Ora temos assistido a assinatura de outros acordos com varias daquelas instituicoes, mas tanto quanto sei so nas medias e grandes cidades.
Tambem iniciara dentro de dias a sua actividade o hospital da Mesericordia da Guarda e, quando foi essa noticia publicada, tambem se dizia que ja tinham iniciado processos para unidades semelhantes em Trancoso e em Gouveia.

Entao pergunto eu e em Fornos de Algodres temos direito a alguma coisa, ou fez-se obras de varios milhares de euros para ficar-mos com mais um edificio encerrado?
Sei que a Camara Municipal nao tem muito que ver, com estes protocolos entre a Mesericordia e o Ministerio da Saude. Mas tambem sei que pode mover influencias ( se e que tem algumas) para a resolucao de certos problemas.
Por isso ca fico a espera de novidades, mas pelo sim pelo nao, fico a espera sentado!

6 comentários:

MORFFINA disse...

Haja misericórdia!

Abraço Beirão
MF

Maria disse...

É melhor esperar sentado, sim, pelo menos não desmaias de cansaço...
Um abraço

aluap disse...

Não sei não...mas o melhor é conseguires 1 pé de meia para poderes ir a uma clínica particular (é só uma ideia)

Belzebu disse...

O estado da saúde em Portugal justificava um internamento nos cuidados intensivos durante bastante tempo. Novos protocolos são assinados todos os dias com pompa e circunstancia e depois vai-se a vêr e é uma mão cheia de nada! É a marca do nosso Engenheiro!

Saudações infernais e monarquicas!

Luis Almeida Pina disse...

Não era para comentar, mas já agora será que este Governo tem culpa das obras não acabarem em Fornos?
Ou os protocolos que se assinam?
E fico-me por aqui
Um abraço

Jofre Alves disse...

Das páginas que mais gosto de visitar, ainda para cima hoje com acrescidos motivos de interesse. Passei para apreciar e desejar bom fim-de-semana, e por isso vou daqui saciado. Em relação à saúde, vamos esperar sentados, como se costuma dizer. Até breve.